Notícias

Ver notícia

 

Equipamento foi acionado pelo prefeito Godofredo Gomes Moreira Filho e a presidente da Águas de São Francisco do Sul, Reginalva Mureb

O prefeito de São Francisco do Sul, Godofredo Gomes Moreira Filho e a presidente da concessionária Águas de São Francisco do Sul, Reginalva Mureb, acionaram nesta quinta-feira (29), de forma simbólica, o início das operações da Estação de Tratamento de Esgoto da região das praias (ETE Ubatuba). Autorizada a operar pelo Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA), a ETE é parte fundamental da implantação do sistema de tratamento de esgoto e representa mais saúde, qualidade de vida e desenvolvimento econômico para a população de São Francisco do Sul.

Conforme Reginalva Mureb, a ativação da estação é um passo importante para a transformação do saneamento municipal. “O que nós queremos para São Francisco do Sul é mais qualidade de vida”, disse. Durante a solenidade, Reginalva também destacou a importância de iniciar as operações junto com o prefeito, administrador com um histórico no saneamento catarinense, tendo sido pioneiro na construção da adutora subaquática que liga o continente a ilha de São Francisco do Sul.

“Em todo o litoral catarinense, São Francisco do Sul era um dos únicos municípios que, até um tempo atrás, não tinha nem projeto para o tratamento de esgoto. De todo o litoral, é a cidade mais delicada, justamente por ser uma ilha, Hoje a solução deste problema é uma realidade. É um momento histórico para São Francisco do Sul e para a qualidade de vida que vamos deixar para as futuras gerações”, disse o prefeito.

Desde que começou a implantar o sistema de tratamento de esgoto, a Águas de São Francisco do Sul investiu R$ 73 milhões. Para este ano, a previsão da concessionária é alcançar mais R$ 20 milhões somente na rede de esgoto. A rede coletora já conta com mais de 50 mil metros e, até o final do ano, a concessionária terá condições de atender ao menos 5 mil ligações. Quando em plena operação, a ETE terá capacidade para tratar cerca de 5 milhões de litros por dia na baixa temporada e mais de 10 milhões no verão, com uma rede coletora de 190 quilômetros de extensão .

Ligação à rede

À medida que a Águas de São Francisco do Sul finaliza as obras de implantação e disponibiliza a conexão à rede pública é muito importante conectar as residências ao novo sistema de esgotamento sanitário do município. “Para garantir benefícios como mais saúde e qualidade de vida para a população e a preservação dos recursos naturais, é fundamental que os imóveis estejam interligados à rede”, destaca Rodrigo Lacerda, diretor executivo da concessionária.

Os clientes com rede disponível já podem se conectar. Para isso, basta solicitar a ligação através dos canais de comunicação da concessionária, no 0800 595 4444 ou pelo whatsapp 99234-1414. “Nos últimos meses, orientamos todos os moradores com rede disponível sobre o início das operações”, destaca o coordenador de operações da Águas de São Francisco do Sul, Victor Aroeira. Com uma população fixa de 52 mil habitantes e flutuante de 180 mil pessoas no verão, São Francisco do Sul não contava com serviço de coleta e tratamento de esgoto.

Compartilhar:

Veja Também

Politica de Inv. Social Privado Saiba mais
Politica de Inv. Social Privado

Uma concessão é muito mais que um acordo com o poder público, é um compromisso com o lugar e com sua gente.

Política de Sustentabilidade Saiba mais
Política de Sustentabilidade

Respeito ao meio ambiente e as pessoas, contribuindo para qualidade de vida e saúde da população onde atuamos.

Notícias Saiba mais
Notícias

Confira as últimas notícias da Águas de São Francisco do Sul e saiba mais sobre abastecimento, obras, programas e projetos.

1° Prêmio Águas de Jornalismo Ambiental Saiba mais
1° Prêmio Águas de Jornalismo Ambiental

A premiação busca incentivar a realização de reportagens sobre a importância do saneamento.