Notícias

Ver notícia

As Estações de Tratamento de Esgoto trazem inúmeros benefícios à sociedade, como melhoria da saúde, preservação ambiental e valorização imobiliária. Um estudo do Instituto Trata Brasil aponta uma alta de até 14% no preço de um imóvel construído em uma área que possui rede de tratamento de esgoto em comparação com um similar onde o serviço não é oferecido em uma mesma cidade.

Esse é mais um dos aspectos positivos que a recém-inaugurada Estação de Tratamento de Esgoto da região das praias (ETE Ubatuba), construída pela Águas de São Francisco do Sul, promete trazer a moradores e investidores da cidade. Reginalva Mureb, presidente da concessionária, explica que investir em saneamento básico resulta em um ciclo positivo, com a melhoria do ambiente em geral, das condições de vida, redução da ocorrência de doenças, aumento da renda do trabalho, valorização imobiliária e patrimonial e aquecimento dos mercados.

O corretor de imóveis Antônio Lemmert, que trabalha em Ubatuba e atende a região das praias, lembra que quando começou a discussão para a construção da ETE, muitos moradores temiam que seus imóveis desvalorizassem e ameaçaram vender as propriedades. Atualmente, segundo o corretor, a situação é bem diferente. Ele conta que nos últimos 60 dias, por exemplo, vendeu dois terrenos nas ruas Salto Veloso e Ponte Serra, no bairro Ubatuba, com preços muito superiores aos anunciados em 2019. Ainda segundo Lemmert, por trás deste aumento está embutido toda a qualidade de vida que a implantação do sistema de tratamento de esgoto traz à região. “Os imóveis estão valorizando e continuará ainda mais”, completa.

Tratamento de esgoto

A ETE Ubatuba vai tratar cerca de 5 milhões de litros de esgoto por dia na baixa temporada e mais de 10 milhões de litros no verão, quando em plena operação. A obra faz parte do cronograma de investimentos da concessionária para a universalização do saneamento no município. A Águas de São Francisco do Sul é uma empresa do Grupo Aegea que, em Santa Catarina, detém também as concessões das Águas de Penha, Águas de Camboriú e Águas de Bombinhas.

Com 20 mil metros quadrados de área construída, a obra consumiu 1.200 metros cúbicos de concreto e 170 toneladas de aço. Durante sua execução, gerou 80 empregos diretos e 240 indiretos. A tecnologia utilizada na ETE é de Lodo Ativado, do tipo aeração prolongada, através de reator sequencial em bateladas. A nova estação vai contribuir para uma grande melhoria na saúde da população, preservação do meio ambiente e valorização imobiliária da cidade.

Compartilhar:

Veja Também

Água Saiba mais
Água

Antes de chegar às torneiras, a água percorre um longo caminho pelo sistema de abastecimento da Águas de São Francisco do Sul.

Politica de Inv. Social Privado Saiba mais
Politica de Inv. Social Privado

Uma concessão é muito mais que um acordo com o poder público, é um compromisso com o lugar e com sua gente.

Quem Somos Saiba mais
Quem Somos

A Águas de São Francisco do Sul é a concessionária responsável pelo abastecimento de água e esgotamento sanitário no município de São Fra...

Legislação e Tarifas Saiba mais
Legislação e Tarifas

Os serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário implicam em custos e investimentos permanentes.